CAMINHONEIRO DESPEJA CARGA DE MALTE NO PÁTIO DA EMPRESA

Atitude foi de revolta, depois que o motorista não conseguiu descarregar o produto na empresa

Na manhã de sábado, (7), um caminhoneiro revoltado descarregou uma carga no pátio da Agrária Malte, por não conseguir descarregar os grãos no local. Após várias tentativas de negociação, o motorista resolveu descarregar no pátio de entrada da empresa, que foi gravado por alguns colegas de estrada.

De acordo com informações dos colegas, o motorista estava revoltado com a situação, que causa desconforto aos profissionais, que é aguardar em uma longa fila para poder descarregar, podendo demorar até sete dias em algumas empresas.

Carga e descarga contarão com prazo máximo para realização

Conforme a Lei 13.103/15, que entrou em vigência no dia 17/04/2015, modificando a Lei 11.442/07, o prazo máximo para carga e descarga do Veículo de Transporte Rodoviário de Cargas é de cinco horas, contadas da chegada do veículo ao endereço de destino.

Após o período em questão, será devido ao Transportador Autônomo de Cargas (TAC) ou à Empresa de Transporte Rodoviário de Cargas (ETC) a importância equivalente a R$1,38 (um real e trinta e oito centavos) por tonelada/hora ou fração.

Veja o vídeo: https://youtu.be/PwGiR-PumuI

Fonte: Site Brasil do Trecho