CE: Dobra o número de mortos em rodovias federais na Semana Santa

Neste ano, quatro pessoas morreram em rodovias federais que cortam o Ceará durante a Semana Santa. O número é o dobro em relação ao mesmo período de 2017, quando apenas duas pessoas faleceram. Houve o registro de 10 acidentes graves, 30% a mais comparado ao ano passado. A operação e os dados são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).
FORTALEZA, CE, BRASIL, 23-09-2015: Movimento de carros (trânsito) na BR-116, Km 2. Vias mais perigosas da rodovia federal - BR-116. (Foto: Camila de Almeida/O POVO)

FORTALEZA, CE, BRASIL, 23-09-2015: Movimento de carros (trânsito) na BR-116, Km 2. Vias mais perigosas da rodovia federal – BR-116. (Foto: Camila de Almeida/O POVO)

O número de acidentes diminuiu no feriado da semana santa. Ano passado foram registradas 36 ocorrências; neste ano, foram 26. O número de feridos também caiu. Em 2017, 35 ocorrências foram notificadas, este ano, 31.
As quatro mortes 
A primeira morte registrada em rodovia federal foi na sexta-feira, 30. A colisão frontal envolveu dois veículos no Km 231,3 da BR-402, no município de Itarema.  Sebastião Honorato da Silva, condutor da motocicleta, faleceu.
Outro falecimento ocorreu no km 342 da BR-020, em Caridade/CE, onde uma vítima ainda não identificada foi atropelada.
No km 8 da BR-116, em Fortaleza/CE, Wagner Aparecido de Araújo morreu depois de colidir com um veículo. O condutor fugiu do local sem prestar socorro à vítima.
No km 73,8 da BR-222, em São Gonçalo do Amarante, ocorreu uma colisão entre um carro e uma motocicleta. Francisco Edenilson Bezerra Santosfaleceu.
Redação OPOVO Online