Duas ruas de Sorocaba e trechos de rodovias seguem interditadas

Duas ruas em Sorocaba e alguns trechos de rodovias da região continuam com pontos de alagamentos e interdições devido às chuvas dos últimos dias. Segundo a Urbes – Trânsito e Transportes, nesta terça-feira (12) estão interditadas a avenida 15 de Agosto, na altura da entrada do bairro Retiro São João até a ponte da Radial Norte, e a rua João Gabriel Mendes, no bairro Jardim Maria do Carmo.

A 15 de Agosto ainda tem um pouco de alagamento e bastante lama, já que o nível do rio Sorocaba subiu nos últimos dias devido às chuvas, e a João Gabriel continua alagada. De acordo com a Urbes, as vias ainda não foram liberadas porque ainda chove na cidade e os trabalhos de limpeza da lama na avenida não começou.

Rodovias da região

Pilar do Sul

A estrada vicinal José Waldemar Mazzer, que liga os municípios de Tapiraí e Pilar do Sul, segue interditada desde o dia 2 de janeiro também por causa da chuva, que abriu uma cratera no meio da pista, próximo ao bairro São Manoel. Por baixo da estrada passava uma tubulação de água da chuva, que se rompeu provocando o estrago na estrada.

Segundo a Prefeitura de Pilar do Sul, o local está devidamente sinalizado em ambos os lados e a Secretaria de Obras do município está cotando orçamentos com empresas e da compra do material necessário para iniciar as obras de reparo. De acordo com o município, será preciso construir uma ponte no local, mas ainda não há previsão do início das obras.

A prefeitura informou ainda que de ambos os lados da estrada há vias de terra que permitem o deslocamento dos moradores, porém com a chuva dos últimos dias está mais difícil trafegar nesses locais por causa do barro.

Tatuí

Uma das alças de acesso do Anel Viário Guaraci de Oliveira, na integração com a Rodovia Antônio Romano Schincariol, SP 127, voltou a ser totalmente interditada por volta das 10h50 por causa da chuva que continua na região. O local tinha sido liberado pela manhã e estava com apenas estreitamento de pista, exigindo cautela e atenção do motorista, mas como voltou a chover foi novamente interditado.

A interdição do trecho ocorreu na tarde de segunda-feira (11) pela Concessionária CCR-SP Vias, e temporariamente, o tráfego fiicou iberado em apenas um sentido, da Estrada Moises Martins (Jardim Lírio) à SP-127 (Guardian). Um deslizamento de terra acabou causando entupimento das galerias pluviais, que resultou no acúmulo de água na pista.

A Secretaria de Infraestrutura, Meio Ambiente e Agricultura já notificou a empresa responsável pela obra para que execute o serviço de limpeza no sistema de drenagem. O trabalho deve ser iniciado assim que as chuvas pararem. A expectativa para a liberação do trecho é de aproximadamente 10 dias.

Região de Botucatu

O trecho de serra da Rodovia Marechal Rondon (SP-300) também continua interditado devido às fortes chuvas dos últimos dias. Segundo a Concessionária Rodovias do Tietê, a interdição provisória é por motivo de segurança para todos os veículos, tanto na subida quanto para a descida.

A interdição ocorreu devido a um deslocamento do pavimento do trecho da serra e a equipe de engenharia e geologia da concessionária já estiveram no local para avaliar e determinar os reparos no local. A Rodovias do Tietê mantém uma equipe no local para dar suporte, sinalização e toda a estrutura necessária para orientar os motoristas que trafegam pela rodovia.

Para quem vem da região de Botucatu e Bauru, o desvio pode ser feito pela SP-209, Rodovia João Hipólito Martins, para a SP-280 Rodovia Castelo Branco, com retorno na cidade de Bofete. E para quem vem da região de Conchas, o desvio ocorre na região de Bofete para depois retornar pela SP-209.

Ana Cláudia Martins – ana.martins@jcruzeiro.com.br (Cruzeiro do Sul)