• Home »
  • Rodovias »
  • Rodovias federais terminam fim de semana com 228 flagrantes por embriaguez

Rodovias federais terminam fim de semana com 228 flagrantes por embriaguez

Em São José, Palhoça e Biguaçu, na Grande Florianópolis, Capivari de Baixo, no Sul, e Joaçaba, no Oeste, houve fiscalização específica deste tipo de imprudência

Em mais um fim de semana de fiscalizações, 228 motoristas foram autuados por embriaguez nas BRs de Santa Catarina. As operações aconteceram entre sexta-feira (30) e domingo (1°) em todo o Estado. As rodovias federais de São José, Palhoça e Biguaçu, na Grande Florianópolis, em Capivari de Baixo, no Sul, e Joaçaba, no Oeste, contaram com operações específicas para este tipo de infração.

Nos últimos fins de semana, haviam sido registrados recordes de flagrantes. Entre os dias 23 e 25 de agosto, 371 motoristas foram autuados por dirigirem sob efeito de álcool. No fim de semana anterior, o número havia sido de 325 flagrantes.Leia mais TRÂNSITO Santa Catarina tem o maior número de flagrantes de embriaguez ao volante do Brasil LEI SECA”É uma representação social de impunidade”, diz especialista sobre embriaguez ao volante

Desta vez, apesar da redução, a quantidade de pessoas que dirigem após beber continua sendo uma preocupação para a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

— Infelizmente os números continuam altos, apesar da fiscalização contínua sobretudo nos finais de semana. A PRF acredita que este número irá diminuir à medida que os motoristas tiverem a sensação de que serão fiscalizados e punidos se beberem e dirigirem — afirmou o chefe de comunicação da PRF, Luiz Graziano.

Santa Catarina foi o Estado que mais multou em 2017 e 2018

O número atual de 2019 em SC já é o dobro do Paraná, por exemplo. Além disso, os mais de 5 mil flagrantes em 2018 representam o maior dado já registrado pela PRF no Brasil inteiro desde o início da Lei Seca, em 2008.

Para lideranças das polícias rodoviárias, o número mostra que a fiscalização no Estado ocorre de forma mais frequente. A BR-101 foi a rodovia que mais teve casos de embriaguez ao volante em 2018, com 2.671 episódios, seguida pela BR-470, com 884 casos.